3 de abril de 1989 - Tema I – População Brasileira

A abertura do seminário contou com discussões sobre as causas e as consequências do fenômeno da queda de fecundidade para o Brasil no ano 2000. O demógrafo José Alberto Magno de Carvalho, professor da Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Minas Gerais, traçou um perfil alarmante do fenômeno. Também participou o demógrafo George Martine, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), que fez uma exposição sobre a distribuição espacial da população e as implicações da redução da fecundidade. Martine também analisou o impacto da queda sobre o ritmo do crescimento urbano. O debate foi coordenado pela professora Elza Berquó, do Núcleo de Estudos de População (Nepo) da Unicamp, e também teve a participação de Neide Patarra, do Sistema Estadual de Análise de Dados e Estatísticas (Seade) e de Isaac Kerstenetzky, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Elza Berquó durante debate sobre população brasileira. Foto: Siarq/Unicamp.
Elza Berquó durante debate sobre população brasileira. Foto: Siarq/Unicamp.
José Alberto Magno de Carvalho durante debate sobre população brasileira. Foto: Siarq/Unicamp.