2 de agosto de 1988 - Tema IV – Transformações Estruturais na Agricultura

O ex-presidente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) José Gomes da Silva, durante sua participação, disse que faltavam no país mudanças sociais, principalmente econômicas. O economista Guilherme Leite da Silva Dias, da USP, mostrou-se preocupado com as condições de médio e longo prazo para a confirmação do crescimento do produto agrícola. Já Luiz Carlos Guedes Pinto, do Instituto de Economia da Unicamp, sugeriu que as políticas agrícolas fossem mais estáveis ao longo do tempo e que a especulação com a terra fosse punida. Participaram das discussões Geraldo Muller, do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap), o o sociólogo John Wilkinson, da UFRRJ, e o economista Roberto José Moreira, também da UFRRJ.

Guilherme Leite Dias fala sobre as transformações estruturais na agricultura. Foto: Siarq/Unicamp.
Guilherme Leite Dias fala sobre as transformações estruturais na agricultura. Foto: Siarq/Unicamp.
José Gomes da Silva fala sobre as transformações estruturais na agricultura. Foto: Siarq/Unicamp.
José Gomes da Silva fala sobre as transformações estruturais na agricultura. Foto: Siarq/Unicamp.